Varsóvia, Cracóvia e Auschwitz - Polônia

Guilherme Funk | 18:09 | 0 comentários | Filed under Marcadores: ,
Amante de história que sou, não poderia faltar a Polônia na minha trip. Sou fã principalmente das histórias da Segunda Guerra Mundial, que apesar de triste, ainda sim é história.

Posso dizer que a primeira impressão que tive dos poloneses, foi ruim. Pois peguei um táxi no aeroporto, e o cara tentou me passar a perna (cobrando mais de 200 PLN), só para ir para o meu hostel (15 minutos), fiquei muito bravo (pra não falar outra palavra), e na hora que chegamos no hostel, falei "Vamos ali comigo, e se o pessoal do hostel falar que esse valor tá certo, eu te pago sem problemas.", nem terminei de falar, e ele disse que 100 PLN estava bom. Aí que eu desconfiei mais ainda e falei "Tenho 15 euros e mais 20 PLN", então ele falou que os 15 euros já pagava a corrida. Sai do táxi e o taxista saiu 'cavando'.

Bom, depois disso foi só alegria. Atendimento do hostel, que eu faço questão de colocar o nome aqui, foi ótimo, impecável na verdade! (Oki Doki Hostel) Além dos ótimos quartos e camas.

O povo é muito educado, sem dúvidas. A cidade me lembrou Joinville (onde nasci), parecia um pouco. O que me fez gostar mais ainda (amo Joinville).

Conheci uma polonesa no quarto do hostel, e ela se ofereceu pra mostrar a cidade (incrível, quem diria?). Jantamos em um restaurante polonês, e vejam só, o cardápio estava em Polonês (fora do normal segundo a menina), e pedi qualquer coisa... Quando fui provar... CARAMBA, PIMENTA! Detesto pimenta. A minha sorte é que tudo na Polônia é barato (pra quem vem de Dublin COM TODA A CERTEZA), então não comi e pedi outra coisa.

No dia seguinte conheci um chinês, muito gente fina. Fomos em alguns lugares, e ele comentou que esteve em Auschwitz. Caramba! Auschwitz? Era um sonho de criança ir pra lá. E não estava nos meus planos, por alguns amigos falavam que era complicado ir de Varsóvia pra lá. Mas ele disse que nem tanto. Me informei do preço e do horário, e descobri que tinha um trem as 2 horas da manhã e chegava em Cracóvia as 7. Não pensei duas vezes, comprei o ticket e embarquei. Cansativo? Um pouco, mas pra quem estava realizando um sonho...Quase nada!

Chegando em Cracóvia, procurei a agência de turismo que ia pra Auschwitz, e descobri que perdi a excursão matutina. Ou seja, teria que esperar 5 horas para ir de tarde. Andei muuuuito em Cracóvia, mas adivinhe... Não tirei UMA foto sequer de lá. Talvez pelo fato de ter sido enfeitiçado pelas polonesas de lá (saudades Cracóvia).

Chegou a tarde, e embarquei rumo ao campo de concentração mais famoso da Polônia. Foi 1 hora e meia de ônibus até lá.

E caros leitores... Eu não vou comentar sobre lá. Vou deixar somente as fotos! Única coisa que eu posso dizer é que... A energia negativa de lá, é muuuuito forte!

Enjoy.

Varsóvia









Chopin



Auschwitz







Algumas crianças...

Onde eram feitos os fuzilamentos





Câmara de gás vista de fora.

Crematório dos corpos e a câmara












Ir para direta e ser executado, ou para esquerda para trabalhar até a morte?

Câmara de gás em ruinas

Acomodação dos escravos da guerra

Exaustão de um mochileiro.


Sinceramente, nessa hora eu só queria chegar em Dublin. Mas não me arrependo de NADA. Tudo valeu a pena. 


























0 comentários



Post a Comment :


Recent Comments